Principal Quem Somos O que é quilombo Notícias Acervo Revista OQ Links Contato
KOINONIA

Artigos

Colabore enviando artigos ou ensaios para serem publicados no OQ. O OQ publica artigos inéditos ou não sobre temas relacionados às comunidades quilombolas e negras rurais.  Os textos enviados serão analisados e revisados pela equipe do Observatório. Os artigos não têm limite de tamanho e sugerimos que acompanhem um resumo. Tabelas, foto, quadros e gráficos, bem como notas são bem-vindos.  As notas devem ser numeradas e constar no final do trabalho.  Os artigos também devem ser acompanhados de breve informação sobre o autor e e-mail para contato. Os textos devem ser enviados por e-mail, em formato word ou PDF, para oq@koinonia.org.br.

UM TERRITÓRIO: Ilha da Marambaia (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.1, n.4, ago. 2001)
A Ilha da Marambaia fica localizada no litoral de Mangaratiba (RJ), em uma área considerada de segurança nacional e controlada por militares. Só se chega a ela por meio de barco da Marinha, com autorização prévia. Ao desembarcar nos deparamos com as...

Leia Mais [+]

UM POUCO DE HISTÓRIA: 20 de novembro (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.1, n.5, out. 2001)
O quilombo mais famoso do Brasil foi o de Palmares, localizado na Serra da Barriga, em Alagoas, que chegou a abrigar cerca de 30.000 pessoas. A primeira expedição organizada pela Coroa Portuguesa para acabar com o quilombo se deu em 1602. A última e...

Leia Mais [+]

UM TERRITÓRIO: Machadinha (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.1, n.5, out. 2001)
A comunidade de Machadinha, localizada no município de Quissamã, região norte fluminense, é composta por dois agrupamentos residenciais de famílias negras, estreitamente aparentadas entre si, que descendem diretamente dos escravos do Engenho Central de...

Leia Mais [+]

UM POUCO DE HISTÓRIA: Da “Missa do Morro” à “Missa dos Quilombos (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.2, n.1. 2002)
Em dezembro de 1965, os jornais de Salvador anunciavam com escândalo a realização de uma missa na Basílica de S. Bento que se utilizaria, na sua parte musical, de temas e instrumentos “populares”: atabaques e berimbaus. Foi então batizada como “Missa do...

Leia Mais [+]

UM TERRITÓRIO: Preto Forro (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.2, n.1. 2002)
Na área rural de Cabo Frio, em um bairro chamado Angelim, ficam localizadas as terras de Preto Forro. Seus moradores (distribuídos por 10 casas somam aproximadamente 60 pessoas) são descendentes de antigos escravos que trabalhavam em duas fazendas...

Leia Mais [+]

UM TERRITÓRIO: São Miguel dos Pretos/RS (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.2, n.2. 2002)
Na região central do Rio Grande do Sul, a 10km da sede do município de Restinga Seca, localiza-se a comunidade de São Miguel dos Pretos. Constituída de noventa e cinco famílias distribuídas em 83 casas, a comunidade soma aproximadamente quatrocentos e...

Leia Mais [+]

UM POUCO DE HISTÓRIA: O jongo e os novos jongueiros (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.2, n.2. 2002)
O jongo é uma dança de origem rural e é uma das importantes manifestações culturais que deram origem ao samba. Praticado no Brasil, inicialmente pelos escravos das fazendas de café e cana-de-açúcar, nos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, São...

Leia Mais [+]

UM TERRITÓRIO: Comunidade Remanescente de Quilombo de Sant’Ana (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.2, n.3. 2002)
A comunidade é constituída de pouco mais de vinte casas e aproximadamente cem moradores que estão distribuídos em duas áreas diferentes. Os moradores se diferenciam pelos termos “moradores de cima” e os “moradores de baixo”. Os “moradores de cima” ocupam...

Leia Mais [+]

UM POUCO DE HISTÓRIA: Família escrava (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.2, n.3. 2002)
Desde o século 19, vários intelectuais e pesquisadores afirmaram que os escravos eram promíscuos e que não era comum a constituição de família entre eles. Pensar na hipótese de que os escravos poderiam ter acesso a uma família seria, nesta época, um...

Leia Mais [+]

UM POUCO DE HISTÓRIA: Irmandades negras (24/6/2013)
Boletim Territórios Negros (v.3, n.1. 2003)
No Brasil Colonial e depois, já no país independente mas ainda escravocrata, proliferaram irmandades para cada categoria ocupacional, raça, nação – sim, porque os escravos africanos e seus descendentes procediam de diferentes locais com diferentes...

Leia Mais [+]



Página 9 de 12

Compartilhar

 

Palavras-Chave

 

Busca

 

Colabore com OQ

Envie Notícias, textos, fotos. Clique aqui e saiba como participar.

 

Informativos

Cadastre-se e receba nosso informativo.

 

Siga-nos