<
Tempo e Presença Digital - Página Principal
 
“AVANÇOS E RECUOS NO CAMPO RELIGIOSO, AQUI E ALHURES…”
Ano 5 - Nº 20
Julho de 2010
Publicação Virtual de KOINONIA (ISSN 1981-1810)
_Índice
 
 
EDITORIAL
PÁGINA DE KOINONIA

ARTIGOS
Espiritismo: Cinema, Novelas e a Cultura Nacional , André Andrade Pereira
O ano de 2010 certamente será um marco para a presença do Espiritismo no Brasil. O centenário de nascimento de Chico Xavier, o mais respeitado médium do mundo, tem sido motivo para emocionadas comemorações e para os mais diversos eventos de divulgação da sua tocante história de vida, da sua tão vasta quanto inédita obra literária e, como não poderia deixar de ser, da Doutrina Espírita da qual foi o maior divulgador. Destaque especial há de ser dado para a exibição do filme de Daniel Filho (um não-espírita), além de novelas e minisséries da Globo, reportagens especiais, o lançamento previsto para setembro do filme “Nosso Lar”, baseado no livro mais famoso de Chico; e ainda: “As mães de Chico”, da mesma equipe que fez “Bezerra de Menezes”, “E a vida continua”, de Paulo Figueiredo, e o documentário “As cartas”, de Cristiana Grumbach.

Templos Sólidos & Igrejas Liquidas , Gedeon Freire de Alencar
Ano passado estando em Belo Horizonte, por ocasião de um congresso acadêmico, fugi três noites seguidas das sessões. Na quarta-feira, fui à Igreja Caverna do Adulão, constituída por um grupo de heavy metal; na quinta-feira, visitei a Igreja Batista da Lagoinha, participando do Culto dos Motociclistas; finalmente, na sexta-feira, estive na Igreja Batista da Floresta, por ocasião da realização da Vigília do Rancho dos Profetas. Em todos cultos houve louvor, mensagem, ofertório, apelo, ou seja, uma liturgia básica e padrão de qualquer outra igreja com culto normal. O que diferenciava, então, estes grupos nesses cultos? O público. A freguesia em suas peculiaridades de vestimentas, estilos, interesses e ênfases. Enfim, o tribalismo urbano. Essa é, provavelmente, a nova dimensão eclesiológica mais original: igrejas segmentadas de tribos urbanas.

A Igreja ante os desafios do presente , Maria Clara Lucchetti Bingemer
A Igreja Católica tem ocupado insistentemente o noticiário nos últimos tempos e lamentavelmente para nós, que somos parte dela no mesmo sentir e na mesma pertença, não muito positivamente. Os escândalos da pedofilia entre membros do clero e mesmo do episcopado parecem ter destapado uma grande panela de pressão, obrigando a instituição mais antiga do mundo a rever-se em profundidade em vários pontos. Acreditamos que isso não deixa de ser positivo. No contexto da grande e radical mudança de época que vivemos, ser levada a olhar-se a si mesma com olhar crítico e procurar trazer à luz pontos problemáticos que apontam para uma necessidade de conversão é uma graça que Deus nos dá neste momento da história. E, como tal, necessita ser muito bem vivida, não pode nem deve deixar de ser aproveitada.

A Turma Cabra da Peste: Um relato não linear do Encontro da FTL-B no Rio de Janeiro , Johndalison Tenório da Silva
A Consulta Anual da Fraternidade Teológica Latino-Americana - FTL-Brasil-2010, aconteceu no Rio de Janeiro- RJ, nos dias 3 a 5 de junho, com o tema “De Lausanne a Cape Town: Caminhos, descaminhos e novos desafios para a Missão Integral no Brasil”. Com abertura na quinta-feira as 14:00h e término no sábado às 12:30. A turma do nordeste fez a diferença na FTL-Brasil. Palestrantes e participantes expuseram suas posições de uma forma honesta e objetiva. Quando digo honesta e objetiva, é pelo fato de ter havido franca e clara defesa das linhas teológicas assumidas nas falas e provocações nordestinas. Esses adjetivos estiveram presentes em assertivas como: “... Nossa luta é contra os poderosos, as potestades, os aliados de satanás e o Joio doméstico”; ou “... É impossível a Missão Integral abrir diálogo com as religiões de matriz africanas.” Outro exemplo, esse mais propositivo: “... Sinto falta da presença de mais teólogas participando das mesas de debates.”; Qualquer que tenham sido as bandeiras levantadas, a turma “Cabra da peste” manifestou coragem de se posicionar diante de uma plenária “educada” (leia-se perplexa) ao presenciar tais declarações dentro da “casa de Deus”, nesse caso, a monumental Catedral Presbiteriana do Rio de Janeiro.


CRÍTICA

• A culpa é de Deus ou do Big Bang?,



SEÇÕES

Coluna Anivaldo Padilha

Memória - textos que marcaram toda a existência do Tempo e Presença

Dicas Bibliográficas – novidades e recomendações de nosso acervo

Expediente

*TEMPO E PRESENÇA está adaptando-se ao novo Acordo Ortográfico entre os países de Língua Portuguesa.